3 de setembro de 2007

Resposta certa

Por vezes, quando algum assunto me preocupa, ocupo o tempo a construir diálogos imaginários onde digo o que realmente me apetece ou preparo resposta para qualquer eventualidade.*

Há dias tive uma destas discussões com o João. Apesar de imaginária, deixou-me com um mau humor real. Confessei-lhe: "É que tivemos uma discussão na minha cabeça e fiquei mesmo chateada...". Ele: "Desculpa lá o que te disse na discussão, foi sem intenção".

* Isto havia de ser útil para treinar a defesa da tese, mas não funciona quando deve. A propósito, o dia temido é já a 27.

2 comentários:

Ana disse...

Ufff!
Afinal não sou a única "doidinha"! :-p

O que vale é que a realidade (às vezes!) soluciona os problemas imaginados... ;-)

Ju disse...

Ca bom, tb n tou sozinha! LOL E eu pensava que era a única. Realmente às x traz soluções, mas há alturas em que é como tu dizes, deixam-nos de mau humor... e é uma chatice. A resposta do João foi excelente! ;)