19 de março de 2009

XX

O que mais ouço, desde a semana passada, é o quão feliz devo estar por ser menina. "É o que querias, não é?", "Finalmente conseguiste!", todos mais excitados com a notícia do que eu.

É verdade que assim existe um elemento adicional de novidade. É verdade. Mas, honestamente, honestamente, espero que seja uma menina Maria-rapaz.

5 comentários:

Ju disse...

LOL! Assim como a mãe foi qdo era pequena? ;)

Sara Francisco disse...

Olá!!!
Já me tinham dito que estavas grávida outra vez. Parabéns! Isso é que é coragem...
Quanto à menina compreendo-te bem, a minha Inês agora só quer ser princesa e andar de vestidos e saias. E eu tremo cada vez que me pede para pôr ganchos, totós e afins... Espero sinceramente que esta fase do côr-de-rosa passe rapidamente...
Boa sorte!

Joana disse...

É... são de um delicodoce muito enjoativo, é verdade. Não sei se tenho estomago.

Ana disse...

Como já deves ter verificado não sou nada pink, cor-de-rosa, maquilhagem e outras coisas ditas femininas.
A minha filha pinta-se com lápis de cera, veste roupa de faz de conta e anda à roda para ver a saia rodar!
Ou se é ou não, e ela é!
Rendo-me todos os dias à natureza dos meus filhos. Amo-os profundamente e admiro-os por aquilo que são. Agradeço por ter o privilégio de ser mãe deles!

Anónimo disse...

Eu sou um(a) dos "todos mais excitados com a notícia do que tu"! :-p :-)

Não queres delicodoce? Compreendo...
Mas vou(-te) rogar uma praga maior: não será girly-girl enjoativa mas pode bem ser uma "catlover" das que te aparecem em casa com qquer estropício que encontrem pela rua, dizendo "Mãe, podemos ficar com ele?"... >-DDDD
(e depois n a mandes p minha casa...)